Sexta-feira, 17 de Abril de 2009
por Pedro Vieira



© rabiscos vieira


faz hoje anos o grande fracasso em frente da baía dos porcos. por estes mesmos dias, em que Obama vai promovendo o degelo.


 


 


por Pedro Vieira
link do post | comentar | partilhar

16 comentários:
Henrique Morais
Grande vitoria de Cuba.... Felizmente fracassou (esse grande fracasso), o que permitiu aos cubanos uma felicidade plena durante estes ultimos 50 anos. Liderados por um senhor de grande gabarito que lhes distribuiu riquezas imensas e fez da ilha uma atracçao para milhoes de migrantes que todos os dias a tentam alcançar para viver o sonho cubano. Viva la revolucion.

P.S. O que eu queria mesmo era ter armas nucleares apontados a minha casinha!!!

deixado a 17/4/09 às 11:58
link | responder a comentário

Augusto Dias
Bom título para um filme: "O degelo do Mar das Caraíbas".

deixado a 17/4/09 às 12:12
link | responder a comentário

José Bastos
Fidel Castro até aproveitou na altura para aumentar o número de fuzilamentos sem julgamento de opositores políticos.
...ou será que a malta que anda agora para aí a vociferar contra o tratamento dos presos em Gantanamo não sabe o que se passou em Fortaleza la Cabaña?

deixado a 17/4/09 às 12:40
link | responder a comentário

José Bastos
Depois do triunfo da revolução Cubana o "grande" Che Guevara ficou encarregue de comandar os poletões de fuzilamento.
"Eu não preciso de provas para executar um homem, eu só preciso saber que é necessário executá-lo!" - Che Guevara
Tranformou-se este assassino num ícone da revolução...
É interessante ver que ainda há quem chame a atenção para esta efeméride, escolhendo ignorar ou branquear factos relacionados.

deixado a 17/4/09 às 13:03
link | responder a comentário

Rui Paulino
Se há gente desprezível é a comunidade cubana exilada nos E.U.A.
Não passam de um bando de corruptos, ressentidos com a história e que enquanto governaram Cuba a tiranizaram e roubaram a seu belo prazer. Só por esta gente ter saído da Ilha já o regime de Fidel estava justificado.É verdade que ao longo das décadas o regime foi perdendo força e cometendo erros de vária ordem,mas basta imaginar o que teria sido Cuba se Fulgêncio Batista tivesse continuado no poder em Havana coadjuvado pela Mafia de Miami e Las Vegas, para percebermos que a tomada de poder por Fidel Castro representou um grande momento na História do povo cubano e no fundo de toda a América Latina. Para mim, a vitória revolucionária na Baía dos Porcos representa a vitalidade de uma Revolução e a prova de que um povo unido atrás de uma grande ideia e de um grande líder pode fazer grandes coisas!

deixado a 17/4/09 às 13:03
link | responder a comentário

Antonio Cunha
Grande tiro no pé por parte dos Camones.

Ainda deu mais importancia e poder a Fidel.

deixado a 17/4/09 às 14:15
link | responder a comentário

Caro Pedro Vieira,

O que aprecio nos cartoons do arrastão são a sua fácil transposição para a actualidade em realidades distintas. A políticia externa do Obama tem sido um desafio a todo o establishment. Mas parece dar alguns frutos. Em Portugal, contudo, a Direita mais anti-Obama insiste em criticar o que penso serem um excesso de soft power que temem os ponha mais vulneráveis. A doutrina do Bomb Bomb Bomb Iran tem mais adeptos por cá do que nos republicanos americanos. E não tinham dúvidas que surgiram depressa cá os críticos da aproximação a cuba. Em todo o caso, eu penso que estas cabeças desarrumadas produzem uma direita desarrumada. Estas eleições serão uma oportunidade histórica de afimação da esquerda, mas a direita deveria por uma vez saber ler. E perceber os resultados. Porque tal como existe (http://tinyurl.com/dj2lou descreve isso), esta Direita não serve para mais do que atrapalhar a esquerda e a si mesma.

Abraço,
Carlos Santos

deixado a 17/4/09 às 15:03
link | responder a comentário

João Gundersen
No dia 15 de Fevereiro fez vinte anos (uma data redondinha...) que as tropas soviéticas concluiram a saída do Afeganistão e nã me lembro de catoons alusivos ao facto. É curiosa esta vossa memória esquinada...

deixado a 17/4/09 às 15:28
link | responder a comentário

José Bastos
Benicio del Toro pensava que tinha dado corpo a um heroi no filme "Che", parece que não conhecia a verdadeira história;
http://www.youtube.com/watch?v=IZGTV6FbBXM&feature=related

#5,Rui Paulino - Essa "gente desprezível" de que fala são, hoje em dia, os filhos e netos das pessoas que conseguiram fugir ao massacre há quase meio século. Desde então fogem anualmente milhares de pessoas desse 'paraíso' em que o 'grande líder' tranformou Cuba.
Os seus clichés não chegam para esconder a repressão brutal com que Fidel Castro eliminou toda e qualquer oposição depois de subir ao poder.
Um ditador substituiu outro, não me parece que o povo Cubano tenha saido a ganhar.

deixado a 17/4/09 às 16:55
link | responder a comentário

Pois então parabéns.
Esperando que a ilha não se afunde , que o fidel não se transforme num daqueles santinhos revolucionários que duram, duram, duram e que o povo cubano encontre a paz e a felicidade que merece.

deixado a 17/4/09 às 18:38
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador