Quinta-feira, 5 de Outubro de 2006
por Daniel Oliveira
«Claro que a melhoria das condições dos trabalhadores não se deveu à acção dos sindicatos. Essa resposta baseia-se numa interpretação superfícial da história económica dos últimos 150 anos. Apesar dos sindicatos terem passado este período a fazer reivindicações que depois se concretizaram, a verdade é que elas não se concretizaram porque os sindicatos reivindicaram mas porque a melhoria das condições dos trabalhadores é a consequência natural do sistema capitalista.?»

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | partilhar

9 comentários:
O Neoliberal Pós-Moderno
Ó WR,

Queres fazer um trabalho útil e lucrativo para a minha empresa? Diz-me o que sabes fazer, O.K.? Pago-te bem.

deixado a 7/10/06 às 12:11
link | responder a comentário

Daniel Oliveira
Jaime, já falei milhares de vezes dos EUA (há quem diga que não falo de outra coisa), do Irão e do Iraque. Mas desculpe se não alinho nas simpatias pela Coreia do Norte. Não é defeito, é feitio. E se o seu estilo de argumentação nao me serve. Tentarei emendar-me, juro. Entretanto, se não o incomodar muito, eu vou decidindo sobre os temas de que vou falando. Ou tenho de ir ver ao "resistir" para saber a palavra de ordem?

deixado a 6/10/06 às 22:03
link | responder a comentário

Vai ver que se não fossem os capitalistas,coitados,não se tinham criado sindicatos,por reação, e as classes trabalhadoras ainda hoje não tinham quem as defendesse...

deixado a 6/10/06 às 21:32
link | responder a comentário

Daniel Oliveira
Publiquei o seu comentário e até lhe respondi

deixado a 6/10/06 às 15:24
link | responder a comentário

João
Esta é à Pedro Arroja!

deixado a 6/10/06 às 14:48
link | responder a comentário

jaime
Perdoe-me o descaramento,mas não seria mais 'rentável' comentar a próxima guerra no Irão preparada pelos EUA e NATO dos quais fazemos parte, do que estar a comentar artigos prosaicos das 'pontas de lança'da propaganda do capital?Eu sei que é mais 'in' estar a balbucionar noise sobre as 'ameaças' da Coreia do Norte ou de Hugo Chavez.
Neste momento são os EUA a maior ameaça e os 'engenheiros sociais'(parafraseando as M.José N.Pinto e restante tralha reaccionária),ao mundo.Na resistir.info tem um artigo em 2 partes de Mahdi D. Nazemroaya que ,penso,deveria ser lido e comentado por gente de esquerda(sim,já que os outros dizem sempre a mersma coisa(cassete diskette,cd,pen disk)).
Está em http://resistir.infochossudovsky/march_to_war_p2.html (http://resistir.infochossudovsky/march_to_war_p2.html)

deixado a 6/10/06 às 13:20
link | responder a comentário

WR
Por muito que lhe custe, os sindicatos, o partido comunista e agora o BE nunca contribuiram, nem têm condições ideológicas para melhorar a condição dos trabalhadores. Muito pelo contrário, tudo o que fazem é prolongar a agonia com mensagens de pseudo-esperança que mais não fazem do que prolongar a miséria daqueles que se encontram numa situação miserável. Para superar más condições de trabalho, o trabalhador tem apenas de procurar fazer um trabalho que seja realmente útil, realmente lucrativo. Enquanto assim fizer não precisará dos salvadores de empregos inúteis, pouco lucrativos e mal remunerados.

P.s.: Aguardo que publique o meu comentário à entrada em que claramente cometeu uma imoralidade a respeito de Pacheco Pereira. Tenho o propósito de deixar de visitar este blogue com a maior brevidade possível.

deixado a 6/10/06 às 10:22
link | responder a comentário

CausasPerdidas
Exacto.
E a melhoria das condições dos camponeses não teve nada a ver com as "jaqueries", foi a Peste Negra do século XIV que reduziu a mão-de-obra e obrigou a nobreza a tratar melhor os servos.
E os putos que enchiam as fábricas do início do capitalismo industrial só foram dispensados porque a tecnologia melhorou e eram necessários menos trabalhadores.
E a situação ficou bem melhor porque a classe trabalhadora pediu e beneficiou das melhorias proporcionadas pelos benfeitores dos parlamentos.
Obviamente quem escreve uma treta dessas saltou do biberão da ama, para o curso do papá, nunca comeu o pão que o diabo amasou e não teve de lutar para que, no mínimo, lhe pagassem o salário, e nunca soube o que era estar a contratos de 3 meses que não cobriam a confiança que o banco exigia para que lhe emprestassem dinhero para uma casa.

A esse: a História não tem sentido único, galito da índia, já vi a guilhotina cortar pescoços mais rijos.

deixado a 6/10/06 às 01:44
link | responder a comentário

Haja Santa paciência para tão pouca inteligência. Já agora os mártires de Chicago se calhar só saíram à rua porque os preguiçosos dos trabalhadores queriam um feriado no dia 1 de Maio...

deixado a 6/10/06 às 01:13
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador