Segunda-feira, 9 de Outubro de 2006
por Daniel Oliveira
Ontem vi uma reportagem rara na SIC (“A Primeira Escola”, de Miriam Alves). Falava mesmo da escola. Não, não falava da violência em algumas escolas mais complicadas. Não, não falava dos professores e do Estatuto da Carreira Docente. Não, não falava da ignorância dos alunos. Falava de uma coisa rara: daquilo para que serve a escola. Para aprender e para gostar de aprender. Do ensino, das técnicas de ensino, do que é e do que foi a sala de aulas nos últimos duzentos anos. Entrevistavam Nuno Crato, claro. Mas, pela primeira vez, não ficavam por aí. Ouvíamos o contraponto de gente do Movimento Escola Moderna que nos recordava que a escola, ao contrario de quase tudo o resto, pouco mudou, no essencial, no último século. E falava das técnicas para o ensino da escrita e da leitura. É reconfortante ver alguém a dar-se ao trabalho de ir para lá do homem que mordeu o cão, do folclórico e do chocante. Como pai, é aquilo que mais me interessa.

Mas uma reportagem de televisão é pouco. Porque o meio não favorece a profundidade. Falta em Portugal um debate a sério sobre educação, para lá do sindicalismo docente e das frases bombásticas de Fátima Bonifácio, Maria Filomena Mónica e António Barreto. A esquerda tem de discutir a escola. Não se ficar pela dignidade dos professores (que não é um pormenor) e dos seus problemas profissionais. Discutir a escola pública e responder à avalanche ideológica conservadora que inunda os jornais, dos opinadores às prioridades editoriais. Perder o combate da escola é perder décadas de conquistas civilizacionais.

Para começar aqui uma discussão, gostava de receber opiniões, para as publicar e entrar em debate. Venham os contributos para danielo arroba natcabo ponto pt.

por Daniel Oliveira
link do post | partilhar

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Email

Password


Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador