Domingo, 29 de Agosto de 2010
por Sérgio Lavos
A tonta croniqueta de João Pereira Coutinho, que tanta excitação espoletou, quer nos guerreiros de sofá de direita como nos bravos jihadistas da esquerda institucional-comunista (é bela, esta comunhão de contrários), tem a devida resposta do Ouriquense. O retrato de um artista enquanto jovem onanista:

(ler o resto)... Ora, a proximidade física entre as ergonómicas mãos de JPC e as fantasias juvenis que ricocheteiam no interior da sua cabeça é provavelmente o que de mais exibicionista e masturbatório  se encontra hoje na imprensa. Tendo ainda em conta que na crónica online da Correio da Manhã a foto de JPC é do tamanho da mancha gráfica do texto, o que remete para o primado do estímulo visual sobre o enredo, ao ler "pornografia" e "poses exibicionistas e masturbatórias" não pude deixar de me lembrar que é no relato autobiográfico que Coutinho atinge o seu cume histriónico, mesmo quando são actos actos falhados  - essa é uma das vantagens de saber que se está a ler um boneco e não uma pessoa, porque o espalhafato dos gemidos públicos de JPC deixa no ar a suspeita de um orgasmo fingido e só outros adolescentes o poderão levar a sério. Boys will be boys.
tags:

por Sérgio Lavos
link do post | comentar | ver comentários (27) | partilhar

Sexta-feira, 27 de Agosto de 2010
por Sérgio Lavos


(Esta manifestação, que se vai realizar em várias cidades à mesma hora (ver aqui), também pode ser uma oportunidade de ouro para muitos dos nossos comentadores geralmente indignados contra o Islão; é altura de passar das palavras aos actos: compareçam!)

Adenda: a frase que acompanha o cartaz pretendia ser uma pequena provocação aos comentadores habituais que costumam espumar de raiva de cada vez que aqui alguém fala da opressão na Palestina ou dos erros trágicos dos E. U. A. no Iraque e no Afeganistão. Curiosamente, quem mordeu o isco não foram os comentadores. Concedo que o tom irónico seja por vezes difícil de atingir num texto escrito - ou até que tenha sido pura e simplesmente inépcia minha. Aos comentadores deste post que se insurgem contra a minha suposta islamofobia (principalmente duas das mais empenhadas divulgadoras do protesto, a Inês Menezes e a Shyznogud), lamento que não tenha conseguido passar a mensagem da maneira correcta. É claro que esta é uma causa que eu partilho sem reservas, mas de forma alguma isto significa que tenha qualquer preconceito contra o Islão ou sequer contra o Irão (já em relação a Ahmadinejhad, tenho tudo contra). Mas mais lamentável ainda é que, depois de eu ter esclarecido neste post do Renato Teixeira qual o sentido deste texto, e de ele, respeitando uma ética blogueira implícita (sem ter obrigação de o fazer, por isso agradeço-lhe), ter acrescentado o meu comentário ao corpo principal do texto, outro colega do 5 Dias, cujo nome nem merece ser escrito, insista que eu queria ser literal quando escrevi a frase de cima. Esse canalha (não há termo que melhor defina o ser em questão) merece apenas o meu desprezo, deste momento em diante. Que continue a chafurdar na sua própria imundície, eu salto fora.
tags:

por Sérgio Lavos
link do post | comentar | ver comentários (76) | partilhar

Segunda-feira, 16 de Junho de 2008
por Daniel Oliveira



Os alunos da universidade da cidade de Zanjan, no Irão, exigem a demissão do seu reitor e vice-reitor. O vice é acusado de ter tentado abusar sexualmente de uma aluna. A aluna tinha sido chamada ao gabinete do vice-reitor para responder a acusações do comité de conduta, que vigia as actividades dos alunos na Universidade. Na véspera deste incidente o chefe da polícia de Teerão foi apanhado num bordel e depois libertado. Os protestos prometem continuar e abalar a hipocrisia moralista do regime.
tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (5) | partilhar

Terça-feira, 1 de Abril de 2008
por Daniel Oliveira



Acompanha-se a política americana e fica-se com a desconfortável sensação que, demasiadas vezes, os candidatos a ocupar o poder na maior potência do Mundo ignoram os factos mais básicos sobre os seus adversários. E ignorando-os, quando chegar o momento das grandes decisões ser alguém a decidir por eles.
tags: ,

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008
por Daniel Oliveira


Seyed Medhi Kazemi, um estudante homossexual iraniano de 19 anos que pediu sem êxito asilo político ao Reino Unido, esperava ontem em Roterdão ser devolvido a Londres depois de ter tentado obter, também em vão, asilo na Holanda. O jovem, cujo o pedido de asilo foi rejeitado por Londres, que pretende deporta-lo para o Irão, teme pela sua vida se regressar ao seu país. O seu namorado desde os 15 anos, com o nome de Parham, foi ali executado em Abril de 2006, acusado de sodomia, e a polícia iraniana tem uma órdem de prisão em seu nome para o levar a julgamento. O problema é que Medhi requereu asilo pelo mesmo motivo a dois países da UE, o que não é permitido pela Convenção de Dublin.

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (21) | partilhar

Domingo, 17 de Fevereiro de 2008
por Daniel Oliveira
Marjane Satrapi vem de uma família de classe média iraniana que se opôs ao Xá, assistiu com esperança à sua queda e viu a direita religiosa tomar o poder e destruir toda a sua forma de viver. Para quem conhece a Persepolis em versão BD, o filme é uma agradável e muito conseguida revisitação. Para quem não conheça, a auto-biografia da desenhadora iraniana, em versão cinematográfica, será uma descoberta magnífica. O filme, como o livro, é lindíssimo. Estreia esta semana nos cinemas portugueses. A não perder. Mesmo.




Aqui fica uma pequena entrevista com Marjane Satrapi, feita há um ano:

tags: ,

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (17) | partilhar

Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008
por Daniel Oliveira



Este discurso foi feito nos Emirados Árabes Unidos, aliados dos EUA. Esse exemplo de democracia, eleições livres, oposição vigorosa e respeito pelos direitos humanos.

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | partilhar

Sábado, 12 de Janeiro de 2008
por Daniel Oliveira


Via BiToque

tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007
por Daniel Oliveira
À pergunta "Concorda com a alteração da Lei Eleitoral Autárquica nos moldes que estão a ser negociados entre o PS e o PSD?" 225 leitores (73%) responderam que "não" e 82 (27%) disseram que "sim".

Novo inquérito na coluna da direita: "Qual a figura mais relevante de 2007?" Escolhi 10 políticos internacionais: Al Gore, Durão Barroso, George Bush, Hu Jintao, Hugo Chávez, Mahmoud Ahmadinejad, Nicolas Sarkozy, Robert Mogabe, Tony Blair e Vladimir Putin. Podia ter escolhido outros, mas estes parecem-me cobrir os principais acontecimentos políticos do ano. A ideia não é saber qual agrada ou desagrada mais aos leitores, mas apenas qual terá sido o que mais marcou o ano que agora acaba.

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (12) | partilhar

Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007
por Daniel Oliveira



Na primeira guerra mundial os soldados alemães faziam poemas à bravura dos soldados britânicos enquanto achincalhavam a criminosa estupidez dos seus comandantes. Dizia um oficial alemão, talvez com algum alívio, que aqueles soldados que eles combatiam eram leões comparados com os cordeiros que os comandavam.

O 11 de Setembro acordou muitos monstros na América. Mas também acordou boas coisas: a vontade de fazer alguma coisa. "Lions for Lambs", de Robert Redford, é sobre essa vontade de fazer qualquer coisa e a incompetência de uma elite que não consegue aprender com os seus próprios erros. E de uma comunicação social que apenas consegue dizer o que é mais confortável de ouvir. Sem respostas (isso é deixado a quem veja o filme) mas com muitas perguntas e um apelo: quando estás entregue a cordeiros, faz qualquer coisa. Um olhar diferente sobre o impasse em que a consciência colectiva americana se encontra. E, na parte que me toca, um excelente contributo para os argumentos que darei para querer que Obama seja o próximo presidente dos EUA: uma questão de credibilidade interna e externa. Mesmo que esteja longe de chegar.

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2007
por Daniel Oliveira
Como reacção a esta notícia, Bush argumentou que «Irão era perigoso, é perigoso e continuará a ser perigoso, se tiver conhecimentos necessários para fazer uma arma nuclear.»
tags: , , ,

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (7) | partilhar

Terça-feira, 4 de Dezembro de 2007
por Daniel Oliveira
«A new assessment by American intelligence agencies concludes that Iran halted its nuclear weapons program in 2003 and that the program remains frozen, contradicting judgment two years ago that Tehran was working relentlessly toward building a nuclear bomb. (...) Yet at the same time officials were airing these dire warnings about the Iranian threat, analysts at the Central Intelligence Agency were secretly concluding that Iran’s nuclear weapons work halted years ago and that international pressure on the Islamic regime in Tehran was working.»

Ler este relatório da National Intelligence Estimate, que junta 16 agências norte-americanas. Todos os discursos e gritos que davam o Irão como estando a um passo de ter armas nucleares são, como muitos desconfiavam, mais propaganda que realidade.
(Informação via O Diplomata e Mundos Paralelos)
tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (11) | partilhar

Sexta-feira, 23 de Novembro de 2007
por Daniel Oliveira



The power of love or love of power
Modernism versus tradition forever
Living in the axis of evil
Drive a Citroen 2CV and a have a love for speed
Why feel any pain and suffer
With pills and powders at hand
Nothing to eat for lunch or dinner
Then let them eat yellowcake
(Leiam o resto)


Esqueçam Ahmadinejad e Bush e vejam caras de iranianos normais, propõe o Guardian. Ao som da ironia iraniana da banda "Kiosk", bastante popular por aquelas bandas. O vídeo de "Love for Speed" foi gravado em dois dias e meio, nas ruas Teerão, por Ahmad Kiarostami, filho de famosos realizador.
tags: ,

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 23 de Outubro de 2007
por Daniel Oliveira
O Irão tem uma economia da dimensão da Finlândia e um orçamento anual para a defesa de 4.8 mil milhões de dólares. Não invade um país desde o fim do século XVIII. Os Estados Unidos têm um PIB 68 vezes superior e despesas em defesa 110 vezes maiores. Israel e todos os países árabes (excepto a Síria e o Iraque) estão passiva ou activamente aliados contra o Irão. Ainda assim, nós acreditamos que Teerão está prestes a derrubar o sistema internacional e a colocar no seu lugar uma ordem Islamo-fascista? Em planeta estamos nós?
Fareed Zakaria
tags: ,

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (12) | partilhar

Quarta-feira, 3 de Outubro de 2007
por Daniel Oliveira



Seymour Hersh, autor da análise, publicada no New Yorker fala no Countdown sobre a mudança de alvo da administração Bush para o Irão (via Zero de Conduta)

tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 25 de Setembro de 2007
por Daniel Oliveira




tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (12) | partilhar

Domingo, 23 de Setembro de 2007
por Daniel Oliveira


Via BiToque

tags:

por Daniel Oliveira
link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar


pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador